segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Motociclista morre em acidente que envolveu quatro veículo na BR 324, em Riachão do Jacuípe


A segunda-feira (18) começou com uma tragédia em Riachão do Jacuípe, por volta de 5h30 um acidente envolvendo quatro veículos, matou na hora Raulindo Cunha de aproximadamente 60 anos, ele residia na cidade de Pé de Serra e era conhecido como “Nazo”.

Segundo informações, uma carreta de dados não anotados,que fugiu do local, teria batido na moto CG Honda de placa EQP-0343 licença de Pé de Serra-BA, que era conduzida por Raulindo, arremessando a vítima contra o veículo Tucson de placa OLD-5161, licença de Campo Formoso-BA. Não se sabe como, um Sandero placa JSL-8477 licença de Salvador-BA, também se envolveu no acidente, o mesmo era dirigido por Leandro Lopes da Silva, de idade não revelada, ele sofreu ferimentos leves e foi encaminhado para o HMR (Hospital Municipal de Riachão).


Um irmão de Leandro, que não quis se identificar disse que vinha no banco do carona, e cochilava no momento do acidente: “foi tudo muito rápido não vi nada”, disse ele, muito abalado com o fato, eles seguiam para Salvador. Segundo socorristas, Leandro chegou consciente ao HMR, mas não lembrava de nada do ocorrido. O mesmo foi atendido e transferido para o Hospital Clériston Andrade em Feira de Santana.

O corpo do motociclista ficou preso em baixo do Tucson, foi preciso uma máquina retroescavadeira para levantar o carro e assim remover o corpo para o acostamento. Filhos de Raulindo estiveram no local, muito emocionado, um deles falou que o mesmo vinha até Riachão resolver assuntos pessoais.


Ao ser removido de debaixo do carro, populares observaram que faltava uma parte do corpo de seu Raulindo, seria a canela e o pé esquerdo da vítima, que provavelmente pode ter ficado preso à carreta que evadiu do local, uma testemunha que não quis se identificar disse que viu uma carreta tipo “caçambão” passando pela Nova Esperança a cerca de 2 km do acidente, povoado às margens da BR, em alta velocidade e com a frente danificada e muito suja de sangue, mas o mesmo não conseguiu anotar os dados do veículo.

A PRF (Policia Rodoviária Federal), foi avisada e seguiu para o local, e outra guarnição seguiu nas buscas à carreta, o corpo de “Seo” Raulindo foi encaminhado para o DPT (Departamento de Policia Técnica) de Feira de Santana, onde será periciado.

Fonte e fotos: A hora da Verdade * Alana Adrielle

Sem comentários:

Publicar um comentário