segunda-feira, 14 de abril de 2014

Em discurso, prefeito ACM Neto esquece governo Wagner


O prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), principal responsável pela formação da chapa oposicionista para enfrentar o bloco governista, garantiu em discurso na manhã desta segunda-feira (14) que "arregaçará as mangas" para tentar eleger seu correligionário Paulo Souto (DEM), o vice Joaci (PSDB) e o senador Geddel Vieira Lima para o Senado Federal.

Em discurso morno, ACM Neto, interrompido diversas vezes pela plateia que gritava "futuro governador", apenas agradeceu o apoio de todos os envolvidos na formação da chapa. Entre os nomes citados, o de Geddel, que se emocionou por diversas vezes. "Apenas aqueles que têm comprometimento com esta terra, faz o que Geddel fez. Vou trabalhar incansavelmente para Geddel representar a Bahia no Senado", afirmou o Democrata.

Outro contemplado e homenageado pelo prefeito foi o ex-prefeito João Gualberto, preterido do cargo de vice na reta final do processo. A homenagem ao tucano foi por conta da "compreensão das decisões que precisaram ser tomadas".

Já sobre o governo petista, diferente do inicio da sua pré-candidatura rumo à prefeitura da capital baiana, apenas um rápido recado: "Não teremos medo de nenhuma comparação", avisou.

O evento no Hotel Sheraton, em Salvador, contou com a presença do senador mineiro Aécio Neves, pré-candidato à presidência da República, além de diversos políticos, prefeitos e lideranças do interior do estado.

Fonte: Bocão News

Sem comentários:

Publicar um comentário